Sou uma pisciana sonhadora que acredita no poder das conexões entre as pessoas. Meu nome é Bruna, sou jornalista e apaixonada por comunicação. Depois que aceitei que também amo o universo da moda é que descobri que além de vestir corpos, a moda é também uma forma de expressão e relação com o que o universo nos dá.levitarte

Para fazer um resumo rápido da minha relação com o consumo, digo que a consciência foi também um processo de aceitação. O jornalismo me fez ter um radar de empatia para causas sociais. Descobri com a mídia a relação das grandes marcas com o trabalho escravo e comecei a questionar as razões de não pensarmos no processo de produção das roupas.

A pesquisa se transformou em paixão. Comecei a costurar e fazer as minhas próprias roupas, vender para amigas e conhecer muita gente que também vivia da costura.

As costureiras são sempre muito desvalorizadas, diziam” e sim, isso é a realidade de hoje. Então minha busca hoje é de viver como costureira, usando das minhas habilidades como jornalista, para conectar quem faz as peças com quem as compra. Esse é o conceito da Levitarte!

Sou viciada em pessoas e em suas histórias. Acredito que todas e todos têm uma boa história pra contar. O que isso ter a ver com moda? É com a moda que a história é contada, moda também é arte, é construção de sociedade e é por isso que precisamos rever as formas como construímos a nossa.