Primeira coisa antes de começar a escrever sobre eles. Sempre fico na dúvida se escrevo kimono ou quimono. Então, antes de qualquer coisa, vamos combinar que hoje vamos escrever “quimonos”, mas eles também podem ser “kimonos”. Como você preferir! 🙂

Desde que fiz o primeiro não parei mais. É uma peça divertida de costurar, leve e tem tudo a ver com meu estilo de vestir. Os quimonos pra mim são a cor do dia. Escolho pelo humor e sempre dá um charme na composição.

Os primeiros que fiz foram pra mim, já que toda vez que procuro uma peça nas lojas encontro opções do tipo:

 

. Muito estampado
. Muito curto
. Muito caro

 

Falando em preços: sou eu que estou pobre ou as peças nas lojas estão muito acima do valor real das coisas? Eu entendo que tem inflação, impostos, custo de funcionários e tudo mais, mas eu simplesmente não posso pagar os valores oferecidos nas lojas por aí e, pra piorar, ainda vejo as pessoas pela rua com as mesmas roupas.

Este tipo de coisa me incomoda tanto, pois eu tenho essa ideia de que roupa também é forma de expressão e elas estão carregadas de energias e símbolos.

kimono2

 

Voltando aos quimonos!

Quando mostrei para amigas e colegas de trabalho as peças, as encomendas brotaram e foi o momento de fazer a máquina trabalhar e produzir!

É sempre bom lembrar que tudo que faço é artesanal e todo o processo é feito por mim: da escolha da estampa, até a composição delas, corte, costura, confecção dos saquinhos e, finalmente, a venda.

kimono3

Na foto, quem usa a peça é minha sogra, que está maravilhosamente concentrada nas anotações em uma de suas viagens!

Essa peça das fotos foi um presente de aniversário, achei as cores do tecido lindas e foi um dia de colocar todas as boas intenções naquele momento de produção. Logo mais posto outras fotos de quimonos preparados por mim! 🙂

Uma confissão: sou péssima vendedora (mas isso é assunto pra outro post)!

 


0 thoughts on “A fase dos quimonos (ou kimonos)!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts

Brechó

Look do dia: aprendizados!

Há um mês eu voltei a prestar atenção na minha marca, meus aprendizados com costura e jornalismo de moda. Para quem não sabe, criei a Levitarte para que eu pudesse desenvolver as peças que eu Read more...

Consumo Consciente

A camisa que virou coletinho

Eu gosto de fazer upcicle. Acredito que esta é uma das formas mais honestas de dar uma nova vida para as peças que ficam esquecidas guardadas no armário por um longo período. Dias desses uma Read more...

Costura

Sobre a dificuldade de encontrar calcinhas confortáveis e bonitas

Ainda não tenho certeza se essa é uma dificuldade minha, mas quando buscava por calcinhas novas, tinha alguns problemas: ou elas eram só bonitas, ou só confortáveis. Além da vontade de aprender a fazer as Read more...